MONITORIZAÇÃO

Acompanhar e controlar as condições de funcionamento de redes de máquinas de autoatendimento, administrando os recursos logísticos disponíveis para a execução das atividades operacionais, de modo a cumprir os acordos de níveis de serviço (SLA) com a qualidade requerida pelo cliente. Esse é o principal objetivo do serviço de Monitorização oferecido pela Scopus - que hoje cuida de mais de 31 mil máquinas de autoatendimento em todo o território nacional.


O processo de monitorização envolve uma série de atividades realizadas pela Scopus:

• Acompanhamento das ocorrências em tempo real;

• Direcionamento e priorização das estruturas de atendimento logístico;

• Acompanhamento de situações de “criticidade” da rede de máquinas;

• Acompanhamento das soluções e interação com os atendentes em campo;

• Controle dos chamados técnicos para atender à rede de máquinas: inclui o acompanhamento e apoio aos processos de atualização tecnológica; o apoio técnico aos fornecedores e ao gestor e o monitoramento dos acordos de níveis de serviço e do desempenho dos fornecedores;

• Previsão de numerário: acompanhamento de numerário (previsão, distribuição, abastecimentos e utilização), monitoramento dos valores movimentados, controle de distribuição de valores para os fornecedores, elaboração de relatórios estatísticos quantitativos e qualitativos de desempenho;

• Conservação e limpeza dos ambientes e máquinas: controle de vistorias realizadas pelos fornecedores, além de acompanhamento e controle dos serviços de manutenção e limpeza das máquinas e ambientes;

• Movimentação de máquinas: acompanhamento dos processos de instalação, desinstalação e remanejamento de máquinas;

• Consumíveis utilizados nas máquinas: requisição e controle de consumíveis utilizados pelas empresas contratadas, para reposição nas máquinas de autoatendimento;

• Planejamento estratégico e gestão: estudos de adequação quantitativa e de procedimentos para atendimento operacional frente a demandas sazonais e regionais (por exemplo, região litorânea no verão, Carnaval, etc.); acompanhamento e identificação de oportunidades/necessidades de melhorias e redução de custos com implementações sistêmicas e processuais; acompanhamento do crescimento orgânico da rede de máquinas e consequente readequação de estruturas operacionais (inclusive com indicação de melhores práticas para cada cenário/segmentação), customização de relatórios e interfaces sistêmicas para disponibilidade de informações gerenciais críticas aos gestores.